top of page

Como estudar para um teste de escolha múltipla?

Odeias testes de escolha múltipla e não sabes como enfrentá-los? Com este artigo vamos explicar-te como te deves preparar e ainda te damos uma série de dicas para os resolveres para que o resultado seja positivo!

De todos os tipos de testes que encontrarás na tua vida, os testes de escolha múltipla são talvez os que inspiram mais respeito, nervosismo e hesitação. São testes aparentemente simples, que podem ser realizados através do método "responder ao acaso" (o que certamente não aconselhamos!), mas podem ser incrivelmente complicados e injustos.

O estudo para um teste de escolha múltipla tem as suas próprias especificidades. Ou seja, não é necessário memorizar todo o conteúdo, porque a resposta correta está sempre à vista. Porém, é importante dominar o assunto em profundidade, para a sua total compreensão e aplicação. Assim, para esta tipologia deves focar na memorização e compreensão de definições, fórmulas, factos, dados concretos, entre outros…

Como estudar?

Estudar bem é e será sempre uma garantia de sucesso! Evitando a obviedade desta tipologia, estudar para um teste de escolha múltipla requer processos diferentes dos de um teste tradicional. Sendo assim, precisaremos de utilizar a nossa memória de reconhecimento, capacidade de decisão e entendimento.

Em cada pergunta terás, sem sombra de dúvida, a resposta correta. A questão primordial é “Como identificá-la?". Utilizando dois processos infalíveis:

  • conhecendo o conceito que é questionado no enunciado

  • descartando as respostas incorretas

Este último ponto é certamente o mais difícil, pois pode parecer que todas as respostas são corretas, de repente não consegues decidir entre duas opções e dás por ti encurralado numa questão. Para que isso não te aconteça, é necessária uma concentração extrema, assim como uma compreensão inabalável tanto da matéria como do vocabulário que esta engloba. Este é o "truque" pois, um advérbio ou adjetivo pode diferenciar uma resposta correta das restantes incorretas. Por isso, está sempre atento a estes detalhes pois, inquestionavelmente, aumentarão a tua nota!


Formas para te preparares para um teste de escolha múltipla:

Conceitos são aspetos chave para este tipo de testes. Lê cuidadosamente os tópicos, digitaliza e escreve a informação relevante (esquece a famosa “palha”) e foca-te na compreensão total do conceito em mãos.


Sê claro sobre os conceitos, mas também sê claro sobre o que eles não são. Ou seja, enquanto estudas, escreve o que um determinado conceito não é.

Algo que te pode ajudar a compreender isto é pensar no seguinte: Se chover, o chão molha-se. É óbvio, não é? Mas se te dissermos que o chão está molhado, será porque choveu? Não necessariamente.

Terás este tipo de situações com muitos conceitos que encontrarás no estudo e deves ser muito claro sobre a que eles se referem e o que implica, bem como o contrário.


Identifica possíveis perguntas de teste à medida que estudas. Isto é algo que se aperfeiçoa à medida que ganhas experiência, mas aplica este método desde o princípio! Desta forma, a estruturação e dificuldade do teste será reduzida sem sequer te aperceberes.


Elabora cartões de estudo, escrevendo o conceito de um lado e a resposta correta do outro. Esta técnica torna o estudo mais agradável e demonstra ser muito eficaz na preparação para testes de escolha múltipla.


Pratica com testes antigos. Tenta obtê-los de alguma forma, e, de vez em quando, faz um cronometrado. Isto ajuda a aprimorar a tua preparação para o teste.


Aprovação num teste de escolha múltipla. O que é necessário?

Todos os estudantes reconhecem que testes de escolha múltipla requerem um pouco de sorte, às vezes uma técnica ou, por vezes, um truque para te dar aquele impulso vital.

Vejamos diferentes formas de enfrentar um teste de escolha múltipla. Saberás que existem diferentes tipos de testes, que podemos resumir da seguinte forma:

  • As respostas incorretas não penalizam.

  • As respostas incorretas e as perguntas sem resposta penalizam uma fração do que as corretas fazem.

  • As respostas incorretas são penalizadas, mas as perguntas não respondidas não têm qualquer influência.

Estas tipologias podem variar de professor para professor, assim como, de disciplina para disciplina.

No primeiro caso: responde a todas as perguntas!

No terceiro caso: se não souberes uma resposta, deixa-a em branco


Com isto, a Easy Future deseja-te a maior das sortes para as futuras avaliações!

Qualquer dúvida não hesites em contactar-nos.

499 visualizações

Artigos Recentes

bottom of page